top of page
Trajetos EG7 1.jpg
JUMP e Trajetos EG7.jpg
Abraça_a_Escola.jpg
Testagem Protótipo do Jogo de Tabuleiro  (29)_edited.jpg
Horta Comunitária BS.jpg
Projeto SIM 2_edited.jpg
VELEDA.png
Solidario_.jpg

O VELEDA - Mulheres em Rede foi um dos projetos distinguidos pelo BPI e a Fundação La Caixa com o Prémio Solidário 2023. Este projeto pretende reforçar um trabalho iniciado em 2019 com famílias monoparentais femininas nos concelhos de Belmonte, Covilhã e Fundão, de forma a continuar o trabalho de um coletivo de mulheres e o envolvimento de entidades públicas e privadas no combate aos constrangimentos e desigualdades associadas à monoparentalidade. O VELEDA - Mulheres em Rede será desenvolvido em parceria com os Municípios de Belmonte, Covilhã e Fundão, com a consultoria da Universidade da Beira Interior, o apoio de uma rede de voluntárias e voluntários e da Ordem de Advogados.

Localização: Belmonte, Covilhã e Fundão.

CIVITAS

O Projeto CIVITAS é desenvolvido em parceria com todos os Agrupamentos de Escolas da Cova da Beira e a CONFAP - Confederação Nacional das Associações de Pais, com o apoio do Programa Cidadãos Ativos, gerido em Portugal pela Fundação Calouste Gulbenkian, com o apoio da Fundação Bissaya Barreto e financiado pelo EEA Grants. O CIVITAS pretende reforçar a literacia democrática e a consciência cívica da comunidade educativa, apostando na criação de um Jogo de Tabuleiro dedicado à Constituição da República Portuguesa como uma das atividades principais do projeto.  

Localização: Belmonte, Covilhã e Fundão.

Logo_Abraça_a_Escola_edited.jpg

O Abraça a Escola desde 2008 dinamiza um projeto de prevenção em contexto escolar. No âmbito da sua ação, o projeto intervém com pessoas da comunidade educativa: estudantes, encarregados de educação, famílias, docentes e assistente  operacionais, de oito Agrupamentos de Escolas dos Concelhos da Covilhã e Fundão. O projeto assenta numa intervenção seletiva e indicada, e no pressuposto que o desenvolvimento e reforço dos vínculos sociais, o compromisso com a família, a escola e os pares, influenciam de forma positiva e têm a capacidade de inibir comportamentos desviantes e aditivos. A intervenção preventiva abrange formação para professores e assistentes operacionais, treino de competências em sala de aula, sensibilização parental, emissões de rádio e a edição de um jogo didático para telemóveis sobre adições e dependências.

Localização: Covilhã e Fundão.

Logo IEFP_edited.jpg

Desde 2018 a Beira Serra - Associação de Desenvolvimento em parceria com o Instituto de Emprego e Formação Profissional (IEFP) presta apoio e consultoria a pessoas que se queiram candidatar ao projeto “Apoio ao Empreendedorismo e Criação ao Próprio Emprego”. 

Localização: Áreas dos Centros de Emprego de Covilhã e Castelo Branco.

HORTA COMUNITÁRIA DO BAIRRO DA ALÂMPADA

O projeto da Horta Comunitária do Bairro da Alâmpada, na Freguesia de Boidobra, Concelho da Covilhã, decorre de um processo participativo e da apropriação do projeto pela sua comunidade. O projeto tem como objetivos, a capacitação para a gestão partilhada, a autossuficiência alimentar das famílias, a valorização da agricultura biológica e familiar, assim como, a requalificação da paisagem urbana e a sensibilização para a educação e a sustentabilidade ambiental.

É um projeto aprovado pelo Portugal Inovação Social – POISE, tendo como Investidor Social a Câmara Municipal da Covilhã, e como parceiros, o Instituto Politécnico de Castelo Branco – Escola Superior Agrária, Associação Distrital de Agricultores de Castelo Branco, ADC – Águas da Covilhã, EM e Junta de Freguesia de Boidobra.

Localização: Boidobra, Covilhã.

trajetos_edited.jpg

O CRIATEIXO-E9G, desenvolve-se na freguesia do Teixoso, na área da educação e da cidadania e é dirigido a crianças e jovens dos 6 aos 25 anos. O Consórcio responsável pela implementação do projeto é composto pela, Beira Serra - Associação de Desenvolvimento, Câmara Municipal da Covilhã, ACES Cova da Beira, CPCJ Covilhã, Agrupamento de Escolas do Teixoso, União Freguesias Teixoso e Sarzedo e a Associação ADEteixo. O Projeto tem o apoio do Programa Escolhas. 

Localização: Freguesias de Teixoso e Sarzedo

logo sem fundo.png

O Projeto JUMP E9G tem como objetivo valorizar educação, formal e não formal, como agente de mudança, promotora de um pensamento crítico e criativo, potenciando uma maior participação cívica e comunitária de crianças, jovens e seus familiares. A intervenção do Projeto JUMP teve início em 2018 na sétima geração do Programa Escolhas, um Programa Nacional  financiado pelo Alto Comissariado para as Migrações, e agora integrado no Instituto Português do Desporto e Juventude, I. P., que tem como missão promover a inclusão e integração social e a igualdade de oportunidades na educação e no emprego. 

Localização: Belmonte.

trajetos.png

O Trajetos E8G é um novo olhar de mais de 16 anos de intervenção social dos projetos: Arca de Talentos (2006-2008), Arca de Talentos II (2009-2011), Arca de Talentos E5G (2012-2014), Talentos E6G (2015-2017) e Talentos E7G (2018-2020) do Programa Escolhas. O objetivo é trabalhar o desenvolvimento educativo em parceria com comunidades e escolas do Concelho da Covilhã, para promover as qualificações e competências favoráveis ao desempenho escolar, e as capacidades para uma vivência social ativa e responsável. Com o desenvolvimento contínuo desta intervenção conseguimos um impacto social positivo, quer na reintegração de crianças e jovens na escola, quer no encaminhamento e integração para formação e emprego de jovens e adultos.

Localização: Freguesias de Teixoso e Sarzedo e Boidobra / Covilhã.

A PAR E PASSO_edited.jpg

O Projeto A Par e Passo pretende dar visibilidade aos constrangimentos, obstáculos e estigmas com que se confrontam diariamente as pessoas ciganas. Através da rubrica Mitos ou Realidades, à qual a Vanessa Lopes, uma mulher cigana portuguesa, licenciada em comunicação social, dá voz e com apoio de um Conselho Consultivo diverso que traz contributos da academia, do jornalismo, do associativismo e da experiência pessoal das pessoas ciganas, diverso ainda pelas idades e origens geográficas. A Par e Passo dá continuidade ao trabalho iniciado em 2015 numa experiência embrionária de levar a voz das pessoas ciganas para a Rádio, que até a essa altura não tinha acontecido de forma regular e exclusiva acerca dos Ciganos. Com o apoio do Alto Comissariado para as Migrações através do FAPE- Fundo de Apoio à Estratégia de Integração das Comunidades Ciganas e dinamizado em parceria com um Grupo Representativo  das Comunidades Ciganas locais.

Localização: Nacional.

logo.png

O Projeto Mediadores Municipais e Interculturais – Tecer a DiverCidade, é um projeto coordenado pela Câmara Municipal da Covilhã, sendo parceria a Beira Serra. Financiado no âmbito do POISE tem como organismo intermédio  o Alto Comissariado para as Migrações (ACM).
O projeto, terá a duração de cerca de 1 ano, tendo como área de intervenção o Município da Covilhã e conta com uma equipa multidisciplinar na qual está representada a comunidade cigana e a comunidade migrante. Os eixos de intervenção do projeto são: Educação, Emprego e Formação, Saúde e Habitação, que estão a ser desenvolvidos através de atividades de Mediação Familiar e Escolar, Institucional e Workshops temáticos. 

Localização: Covilhã.

O VELEDA - Mulheres e Monoparentalidade, é um projeto promovido pela Beira Serra - Associação de Desenvolvimento, com direção artística da Quarta Parede - Associação de Artes Performativas da Covilhã, que surge de uma parceria com os Municípios de Belmonte, Covilhã e Fundão, o MDM - Movimento Democrático de Mulheres e a UBI -Universidade da Beira Interior. Teve início em 2019 e contou com o apoio da III Edição da Iniciativa PARTIS - Práticas Artísticas para a Inclusão Social da Fundação Calouste Gulbenkian. Ao longo de 3 anos criou, com um grupo de 33 mulheres, objetos artísticos à volta de questões da maternidade e da monoparentalidade que foram o ponto de partida para a criação de uma rede de apoio e um espaço reivindicativo para as famílias monoparentais.

Localização: Belmonte, Covilhã e Fundão.

bottom of page